Neurose de mim mesmo Malvados Subscribe to my feed

Fernando Pessoa Estou ouvindo

Estou ouvindo

-

Amo-te como amo a tranqüilidade das noites estreladas
Amo-te como amo o bálsamo das flores de jasmim.
Amo-te como amo o último sorriso do dia se desvanecendo…
no qual persiste em ficar como o olhar que lançamos em êxtase ao falecido.
Amo-te como amo o tom de uma flauta sussurrando…
da alma de quem acordou por mim, quando todo o mundo está mudo.

Desconhecido

Linha

Ótimo Domingo.

Linha

  • Leia:
Fernando Pessoa - Poema do Dia: “XLVIII”

1 Resposta to “Amo-te”

  1. Andre Says:

    “Apostolos, a serie”

    V6 usam a Fé para fazer piadas. Há tantas outras maneiras de fazer os internautas rirem sem blasfemarem contra o Santo Deus. Só gente como v6 pra fazerem isso. Engraçados para 1s, mas, 1a injuria para outros.

    1 dsprazr em conhecer este blog

Deixe sua resposta!!