Dia 22/03 tive a oportunidade de ver uma das maiores bandas de Rock da atualidade. Mesmo sendo dificil de classificar “Radiohead” como sendo Rock, pois tal rótulo nada mais faria do que descaracterizar a instrumentalidade da banda. O show é perfect. Levei precisamente uma semana para conseguir processar toda a informação de palco, instrumentos e versatilidade e transformar em palavras. A explosão de cores e sons que presenciei simplesmente me deixaram uma semana inteira apenas pensando em Música. Para ajudar mais ainda minha auto-piedade musical, sou presenteado com um Piano na sala de casa, a menos de 1m próximo ao Computador. Desde então sou atormentado pelas oitavas que soam desse instrumento… Percorro os dedos pelas teclas e sinto-me totalmente tomando pela música. A primeira a ser tocada certamente será Karma Police, pois desde que ouvi Dresden Dolls arriscando uma versão dessa música tenho a nítida sensação de que ela foi feita para ser tocada em um Piano. Após o dia 22/03, tenho ainda mais apreço por tal melodia…

Eu realmente olhei para a lua e enfim entendi que poderia tê-la.
Havia mais que um simples desejo.
Eu realmente poderia tê-la.
Bastava querer e tudo estaria ao meu alcance.

O vento… Como eu amo a sensação de nostalgia e lembrança que o ar gélido trás até meu íntimo.
É bom desfrutar de tais sentimentos estando próximo às pessoas que tanto gosto…

1 - Estudar muito mais
2 - Escrever mais
3 - Dormir menos

Sem mais =)

Como uma criança mimada e babaca eu me comporto
Querendo que o Mundo me respeite
Sem que a recíproca seja necessária
Buscando enfim a ênfase de reclamar
Tendo tudo que eu quero sem ao menos dar valor

Quisera eu que o Mundo me servisse
Dando-me de comer quando tenho fome
Quando tenho fome do que Quero comer
O que é meu é meu…
O que é dos outros também deve ser meu

Busco incessantemente como posso ser mimado em um Mundo
Por isso imagino o que seria perfeito
E vivo somente a Perfeição
Minha perfeição Divina

Como uma criança mimada e babaca eu me comporto.

¬¬’ Odeio gente assim ¬¬’

Onde quer que a mente humana vague, onde quer que ela vá, nada pode apagá-la. Podemos verificar a incidência do destino… Da vida.

Procuramos intensamente a origem de tudo, desde como a vida humana surgiu até a explicação máxima de quem é Deus. Ora, não iremos encontrar tais respostas… Nunca saberemos se somos donos do nosso próprio destino, de nossa própria vida ou se somos manipulados por fios cósmicos por alguma entidade superior que brinca em seu trono de criar encontros e desencontros para a nossa “Raça Humana”.

Nós humanos buscamos tantas coisas que nem ao menos sabemos por que buscar… Buscamos vida em outros planetas apenas pela curiosidade enquanto deixamos à vida do nosso próprio planeta se deteriorar de modo deplorável.

Humanos são curiosos por natureza… A mesma proporção da natureza auto-destrutiva que possuímos.

Em síntese: Não quero falar sobre a origem da vida, nem se Deus existe ou não… Eu particularmente acredito em Deus, apenas não sei se ele acredita em mim… Nós como seres humanos, devemos acreditar em algo e, que esse algo, seja bom para todos nós, pois nascemos, vivemos e morremos em comunidades e a falta de uma comunidade para se viver é o pior dos males para seres políticos, como nós. Por fim, dizer que nós como seres políticos devemos aprender a confiar mais em nossos semelhantes, pois confiamos pouco e isso gera isolamento…

Dias Melhores Pra Sempre.

“A Palestra”

Eu serei o que sonho ser. Nada irá me fazer desistir. Nada. Pois se eu quiser, eu posso tudo. Eu Posso!!!

Eu farei!

-a duvida é: o que fazer?
-o q vc quer d verdade?
-boa pergunta
-seria um bom começo

Ouço o despertar do mundo. Seus olhos se abrindo geram um som praticamente imperceptível para ouvidos não acostumados com sons em baixa freqüência. Mas eu ainda ouço. Ouço o coração do mundo, em seu eterno barulho.
Vejo tudo que não poderia ser visto, independente da vontade alheia. Não, não faço por que eu quero, se pudesse escolher o que eu quero, tudo seria muito diferente.

Interlúdio vulgar…

Penso…

Vejam o homem sobrevoando o globo azul… Suas turbinas jogando óleo no globo azul…

Que se descortine esse assustador novo mundo… Admirável Mundo Novo…

« Previous PageNext Page »