Dias atrás eu tive um sonho (I have a dream?!) que parecia real pode demais. Nada que não estivesse acontecendo com determinada freqüência, diga-se de passagem, mas tal sonho teve repercussões demais por parecer seqüenciado demais.
Imaginem como se a própria natureza lhe explicasse que tudo que o Homem tem sofrido por seu próprio meio é resultado apenas de sua ação. Bem, nada que todos não soubéssemos: Eventos climáticos e tudo mais é conseqüência dos atos Humanos, ou seja, uma reação natural. Agora, imagine se a Natureza resolvesse tomar a ofensiva? Nada de “reações” e sim de “ações”?
Pois bem. Em meu primeiro sonho, vislumbrei todos os motivos que levam a reação da Natureza sobre o Ser Humano e comecei a vislumbrar toda a Ofensiva que ela preparava para todos. Nada mais de esperar as ações do Homem para poder reagir, era hora de a Mãe Natureza traçar linhas de ações contra todos…
Isso tudo é mais do que sabido, claro. O que me leva ao próximo Despertar… Vi a Mãe Natureza lançar uma doença em todo mundo, causando-nos aflição. Mas era só o começo. Tal sonho era simplesmente um aviso, onde dizia que os lugares mais seguros de se estar era próximos a Água corrente, pois em tais lugares nada haveria de acontecer. Explicou-me as formas de contágio, as quais eram muitas para serem listadas.
Eu acredito em meus sonhos?
Eu sonho.
Nem sempre eles se tornam realidade. Muitos nem ao menos passam perto de chegar ao mundo físico.
Mas eu acredito.
Posso estar errado.
Mas acredito.