Desejos vãos

Eu queria ser o Mar de altivo porte
Que ri e canta, a vastidão imensa!
Eu queria ser a Pedra que não pensa,
A pedra do caminho, rude e forte!

Eu queria ser o Sol, a luz intensa,
O bem do que é humilde e não tem sorte!
Eu queria ser a árvore tosca e densa
Que ri do mundo vão e até da morte!

Mas o Mar também chora de tristeza…
As árvores também, como quem reza,
Abrem, aos Céus, os braços, como um crente!

E o Sol altivo e forte, ao fim de um dia,
Tem lágrimas de sangue na agonia!
E as Pedras… essas… pisa-as toda a gente!…

Florbela Espanca - Livro de Mágoas

5 Comentários »

  1. Senhorita Bill Pimenta Said:

    on at 12:40 am

    Óóóó tanto tempo que não venho aqui embriagar minh’alma com versos tão lindos.E chego atrasada mas esse( desejos vãos) é meu poema preferido da Florbela.

    “Eu queria ser o Sol, a luz intensa,
    O bem do que é humilde e não tem sorte!
    Eu queria ser a árvore tosca e densa
    Que ri do mundo vão e até da morte!”….

    Perfeito.

  2. Pedro Ramúcio Said:

    on at 3:05 pm

    O LIVRO DE MÁGOAS
    DA Florbela Espanca

    Ao Raimundo Fagner

    Eu só sei ler o Livro de Mágoas
    Da Florbela Espanca.
    Corro os meus dias atrás d’outros…
    Sempre os mesmos! E primo
    Ser autor de sonetos, poeta
    Com algum esmero.
    Mas não consigo buscar o ritmo,
    Contar a métrica, ditar a melodia:
    Carpir a poesia de sublime imaginação.
    Tudo o que posso são algumas linhas
    Com umas luzes azuis,
    E cinzas as minhas palavras.
    Eu só sei ler o Livro de Mágoas
    Da Florbela Espanca.

    (Pedro Ramúcio)

  3. Flávia Alves Ferreira Said:

    on at 8:21 pm

    Gosto muito de ler livros assim, queria muito ter o livro de magoas, pois deve ser muito bom

  4. Lucas C. Lisboa Said:

    on at 8:28 pm

    De onde surgiu essa versão?
    Está diferente do original como pode ser conferido em:
    http://purl.pt/76/1/l-26743-p_JPG/l-26743-p_JPG_24-C-R0072/l-26743-p_0023_26_t24-C-R0072.jpg

  5. mana Said:

    on at 10:42 pm

    Um lindo poema que cantado por Mariza ficou mais belo ainda.

{ RSS feed for comments on this post}

Deixe um comentário

XHTML: Line-breaks are automatic. Available tags are <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>